CONVERSA DE GENTE MOÇA


Paz e amor na reunião

Coração calmo e contente. . .

Isto me faz escrever

A mocidade presente.

Irmãos, a vocês aí,

Que formam na juventude,

Desejo posam fazer

Tudo aquilo que não pude.

Não acreditem na morte

Em que o pijama se estraga,

A vida, - benção de Deus,

É luz que nunca se apaga.

Consevem saúde e força

Na paz do trabalho são. . .

Por dentro do coração.

Futuro? Pensem agora

Na idéia melhor que há. . .

Aquilo que a gente planta

É aquilo que surgirá.

Assunto de casamento,

Anotem como se cria,

O lar não pode nascer

Em jogo de loteria.

Tóxico é tempo perdido,

Guardem juízo apurado;

Dinheiro gasto em bolinha

É futuro ao necessitado.

O esquente não auxilia

Mesmo nas horas de festa;

Há muitas pinga enfeitada

Mas para vida não presta.

Quanto ao mais, busquem Jesus

E esquecem exemplos meus!...

Mocidade para o bem

É a senda que leva a Deus


Jair Presente
Médium; Francisco Cândido Xavier

< Voltar