Sou normal

Eu sou deficiente” física! E você, terá alguma deficiência? E se tem, qual é a sua? Eu ando devagar, mas tenho a mesma capacidade que você! Porém, somos diferentes, embora normais! Mas, o que seria ser normal ?

Na minha concepção a palavra normal não devia existir. Pelo menos com o sentido como normalmente usamos. Pois,  somos seres únicos, somos  seres peculiares, somos seres especiais! Todos  temos diferenças, mas, em algumas pessoas as diferenças são mais visíveis, Enquanto outras conseguem esconder melhor as suas, mas, pensando bem, as diferenças desses que conseguem escondê-las, devem ser, mais grave, pois são escondidas, são resguardadas. Quem sabe sejam deficiências da alma. Muitas vezes esses deficientes de alma, atrapalham os que apenas tem a diferença física, por fazerem uso de uma coisa chamada preconceito...

Essa deficiência sim é que é uma das esquisitices  que mais existe no mundo, e é uma das coisas mais feias. Pode parecer exagero, mas não é. Em mim, muito me incomoda seus efeitos. Dentre elas a indiferença de algumas pessoas... Por mais que eu tente, não consigo entender o porque dessa indiferença. Hoje em dia fala-se muito em “Inclusão do deficiente na sociedade”, mas, como incluir alguém que já está incluído?  Já estamos na sociedade,  mas precisamos ser aceitos pela maioria das pessoas que nela vive. E aceitos como somos e não como gostariam que fôssemos.

Uma vez me perguntaram se eu era feliz com o corpo que foi me dado, respondi que sim, pois Deus foi muito bom comigo, dando-me um corpo com limitação e uma cabeça e um coração bom e justo, além de, uma missão dura, porém, gratificante, que estou cumprindo com muita alegria, serenidade e vontade. E você, é feliz com sua aparência? E com sua cabeça e com seu coração? A maioria das pessoas que conheço se julga bonita pela aparência,  enquanto a alma, para elas, tanto faz. Essa são as que me excluem, pelo simples fato de minha aparência. Isso não é certo, e não acontece só comigo! É com a maioria!

Mas, folga-me saber, cada um, cada ser humano, veio ao mundo com uma missão, pois, a terra é uma grande escola, onde muitos aprendem e poucos ensinam. Espero estar aprendendo a ser uma pessoa especial e que você também seja um bom professor da vida e do viver.

  

Eliza Desidério César Bento

Campinas, 22 de fevereiro de 2003

 


<-Voltar